segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Momento

Quando absolutamente todas as palavras que pronuncio soam fúteis
e a avalanche que me atordoa a cabeça é constituída de pensamentos rasos, ridículos
Há apenas um momento que me faz achar magnífico
ser esta frágil junção de vísceras, sangue e pele...

Um momento tão natural quanto grandioso
e tão necessário quanto desejado...

5 comentários:

  1. É flor.
    vc tem futuro :)
    gostei

    bjinhos
    Nadini

    ResponderExcluir
  2. Oi Luana, beleza?
    Te mandei um selo hehehe
    Confira em : http://ramonjrfonseca.blogspot.com/2009/08/filatelia.html

    Beijos mineiros

    ResponderExcluir